LUMARJ – Administração de Condomínios

Condomínio sustentável: um guia pra redução de custos

Definição de Sustentabilidade

O conceito de sustentabilidade refere-se a maneira como o indivíduo deve agir em relação à natureza. Portanto, ele pode ser aplicado desde uma comunidade, que é o caso dos condomínios, até todo o planeta. A sustentabilidade pode ser definida como:

o desenvolvimento que satisfaz as necessidades do presente sem comprometer a capacidade das gerações futuras de satisfazerem suas próprias necessidades

Tripé da Sustentabilidade

O chamado tripé da sustentabilidade se baseia em: o social, o ambiental e o econômico. Esses três fatores precisam caminhar juntos para que a sustentabilidade se torne realidade. Sem eles, a sustentabilidade não tem equilíbrio.

  • Social: Refere-se as condições de vida das pessoas, como saúde, educação, lazer, dentre outros aspectos.
  • Ambiental: Refere-se aos recursos naturais e a forma como são usados pelas pessoas em sociedade.
  • Econômico: Está relacionado com a redução do consumo, melhoria da distribuição de bens e serviços.

Sustentabilidade em Condomínios

A Sustentabilidade em condomínios significa melhorar a qualidade de vida dos condôminos, preservando o meio ambiente. A seguir, você aprenderá como aplicar práticas mais sustentáveis em seu prédio.

  • Coleta Seletiva e Reciclagem: Síndicos podem estabelecer um espaço apropriado para que seus moradores deixem o lixo, dividindo-o em categorias como metal, papel, vidro e material orgânico.
  • Evite desperdícios d’água com relógios: Infelizmente, a maioria dos moradores só começa a se preocupar com banhos muito longos quando a dor chega ao próprio bolso.
  • Use lâmpadas LED: Elas podem parecer mais caras a princípio, mas a economia que o LED proporciona compensa o gasto inicial.

Dicas extras para você começar hoje mesmo:

  1. Faça revisões com frequência para evitar vazamentos;
  2.  Prefira varrer as calçadas e pátios ao invés de lavá-los com mangueira;
  3. Desligue um dos elevadores em horários de menor movimento;
  4. Invista em áreas verdes. Se no seu condomínio não for grande, aposte em cercas vivas ou hortas verticais;
  5. Incentive o uso de garrafinhas nas áreas comuns e abandone os copos descartáveis.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *